Divórcio: #8 Dicas pra deixar seus filhos fora disso - Lisandra Zanuto

Divórcio: #8 Dicas pra deixar seus filhos fora disso

Divórcio:  #8 Dicas pra deixar seus filhos fora disso

Se tem uma questão que ainda é mais difícil de lidar do que a nossa própria dor durante um divórcio, é a dor dos nossos filhos.

Os filhos podem sofrer com a separação tanto quanto os pais, talvez até mais. Mas, eles também sofrem com um casamento que não é mais harmonioso, que não faz mais sentido.

Quando nasce um filho, nasce uma família. E quando um dos integrantes desta família está sofrendo, ele sofre também. Então nada justifica você se manter em um relacionamento que não é mais saudável por causa dos seus filhos.

Não importa qual a idade dos seus filhos ou em que fase do processo de separação você está, cabe aos adultos lidarem com esse momento da melhor maneira possível e guiar seus filhos através do processo de separação, que implica em tantas mudanças como: adaptações a nova estrutura familiar, rotina, as vezes até mudanças de casa, escola, cidade e amigos.

A princípio tudo fica muito confuso, difícil e doloroso, mas com o tempo e com bom senso, as coisas vão entrando nos eixos. A vida pode e deve se reestabelecer de uma maneira saudável e um ambiente onde seus filhos possam crescer e se desenvolver com muito amor e respeito.

A felicidade do seu filho tem mais a ver com a importância e o papel que os pais darão a ele do que com a configuração familiar a qual ele vai pertencer.

Existem algumas maneiras de você ajudar seus filhos a lidarem com o processo de separação e torná-lo o mais simples possível:

  1. Tenha em mente que um parceiro que não foi bom pra você como marido ou esposa, pode ser um bom pai ou uma boa mãe pros seus filhos.
  2. Procure manter um bom relacionamento com seu “ex” (faça seu melhor, mesmo quando isso parecer impossível), mesmo na ausência dos seus filhos. É importante que vocês mantenham o respeito um pelo o outro e que seus filhos possam sentir isso.
  3. Certifique-se de que as mudanças de ambiente, como os períodos que seu filho vai passar com seu “ex”, seja o mais tranquilo e organizado possível. Informe sempre quanto tempo vai durar, ajude-os a se preparar com o que for necessário para levar durante o período que vai estar fora e com aquilo que ele deve lembrar de trazer de volta. Isso permitirá que ele transite com mais segurança entre um período e outro, evitando que a vida dele se torne um caos.
  4. Mesmo que você não tenha controle do que acontece na casa do seu “ex”, você pode oferecer um ambiente consistente e seguro pro seu filho naquilo que diz respeito ao seu universo com ele.
  5. Não peça aos seus filhos para serem espiões ou manter segredos.
  6. Não julgue situações precipitadamente. Procure sempre esclarecer os fatos antes de tomar qualquer decisão.
  7. Todo esforço do mundo para manter uma cooperação na educação do seu filho com seu ex. Coloque de lado suas diferenças e trabalhem como um time.
  8.  Mostre respeito pelo seu ex-parceiro. E nunca, sob nenhuma hipótese, fale mal do seu “ex” na frente dos seus filhos. O divórcio é entre você e seu ex marido não entre seu filho e ele. Portanto tente preservá-lo o máximo que puder.

Lembre-se: você não somente escolheu um dia casar com essa pessoa, mas também escolheu ele pra ser pai ou mãe dos seus filhos. Essas escolhas podem não terem sido as melhores escolhas, mas você as fez e seus filhos precisarão viver com essas escolhas todos os dias. Honre isso!!

Uma resposta para “Divórcio: #8 Dicas pra deixar seus filhos fora disso”

  1. […] esteja morando de favor e há dias esteja sem dormir pensando em como terá forças para criar seus filhos, se perguntando infinita vezes o que fez pra merecer tudo isso. Tem uma frase do Emily Dickinson […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para Qual e-mail Devo enviar o link para a série de 03 vídeos gratuitos?

Seus dados estão 100% seguros